Dez empresários de MT doaram R$ 4,4 milhões a mais de 150 candidatos

26 de novembro de 2020 10:44
Publicado por:
Categorias: Notícias, Política

Lista inclui pai, marido e apadrinhados que concorreram a vereador em municípios polos do agronegócio

O Livre

Dez empresários de Mato Grosso aparecem na lista dos maiores doadores a campanhas eleitorais de primeiro turno deste ano. Eles desembolsaram, juntos, mais de R$ 4,4 milhões para apoiar mais de 150 candidatos. Alguns conseguiram eleição ou reeleição.

Os dados são do DivulgaCon, banco de dados administrado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com números de prestação de contas e candidatos. O empresário Robisson Eugênio Dorner aparece na nona posição nacional, com doação de R$ 987,7 mil. 

A maior parte foi para seu pai, o prefeito eleito de Sinop (505 km de Cuiabá) Roberto Dorner (Republicanos), que recebeu R$ 727,7 mil. Dorner foi reeleito com 49,11% dos votos válidos no primeiro turno. 

Outros R$ 260 mil foram distribuídos entre 42 candidatos a vereador, o que equivaleria a uma média de R$ 6,9 mil por candidato. O levantamento não especifica para quais candidatos, neste caso, foram as doações e nem se concorreram no mesmo município. 

O próximo maior doador de Mato Grosso, a empresária Rafaela Muriel Frizzo, mulher do prefeito de Lucas do Rio Verde (234 km de Cuiabá) Flori Luiz Binotti (PSD), aparece na 31ª colocação, com doação de R$ 520 mil.  

Ao próprio marido, ela depositou R$ 50 mil; outros R$ 470 mil foram distribuídos entre 55 candidatos a vereador. A ajuda financeira não contribuiu para a reeleição de Binotti, que ficou em segundo lugar, com 37,6% dos votos. 

Logo abaixo, na 32ª posição, ficou o empresário Ricardo Quadros, que doou R$ 500 mil para o candidato a prefeito de Várzea Grande Flávio Frical (PSB). Este foi derrotado por Kalil Baracat (MDB). 

O 43º colocado, empresário Helmute Augusto Lawisch, de Lucas do Rio Verde, doou R$ 442 mil. A maior fatia (R$ 210 mil) foi para o candidato a prefeito Miguel Vaz Ribeiro (Cidadania), que recebeu R$ 210 mil. Vaz derrotou Flori Luiz Binotti com recebimento de 58,3% dos votos válidos. 

A lista de doadores é encerrada com os outros cinco doadores. Pela cifra, eles são: Hélio Antonio Filipin Goulart (R$ 357 mil); Hilário Renato Piccini (R$ 330 mil); Rafael Lins Rios,(R$ 302,6 mil); Nilton José Dal Bem (R$ 275 mil); e Euclides Ribeiro da Silva Junior (R$ 250 mil).