Com rejeição altíssima, Emanuel Pinheiro parte para o ataque contra ex-aliados

19 de outubro de 2020 11:35
Publicado por:
Categorias: Bastidores

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB) decidiu partir para o ataque contra antigos aliados, após pesquisas apontarem que o mesmo corre o risco de ficar fora do 2º turno.

Emanuel acusou os irmãos Campos, o governador Mauro Mendes (DEM), Fábio Garcia (DEM), de se unirem a Roberto França (DEM) para tomar o poder da capital.

Porém, Emanuel esquece que surgiu na política dentro do antigo PFL, dos irmãos Campos, que tiveram participação fundamental na eleição do seu filho, Emanuelzinho (PTB) para a Câmara Federal em 2018.

Nos bastidores, a informação é que Emanuel partirá para o ataque contra todos para tentar se reeleger. O maior medo, seria a perda do foro e possível prisão oriunda de investigações do passado, como o escândalo do paletó, além das denuncias que envolvem a atual gestão e atuais.