Botelho descarta recorrer de decisão do STF e marca eleição da AL para esta terça

22 de fevereiro de 2021 16:19
Publicado por:
Categorias: Notícias, Política

deputados
Foto: Fablício Rodrigues/AL-MT

Procuradoria alega haver chances em recurso, mas presidente preferiu cumprir decisão do ministro Alexandre Moraes

https://www.folhamax.com/

O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, deputado Eduardo Botelho (DEM), descartou recorrer da decisão do ministro Alexandre Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), que determinou a suspensão da eleição e, consequentemente, posse da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa. Ele, inclusive, já marcou a nova eleição para esta terça-feira, às 19h00.

Por meio de nota, a Procuradoria da Assembleia informou que existia a possibilidade de recurso, mas o próprio Botelho determinou o cumprimento da decisão judicial. “O Presidente decidiu que não apresentará recurso e cumprirá a decisão do Supremo Tribunal Federal”, diz a nota da procuradoria.

A expectativa é de que ocorra uma “inversão” nos principais cargos da Mesa Diretora. Com isso, o atual 1º secretário, Max Russi (PSB), deve disputar na função de presidente, enquanto Botelho, passaria para a função de 1º secretário.

Mais informações em instantes.

NOTA DA PROCURADORIA

Acerca da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que determinou nova eleição para a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, a Procuradoria-Geral, embora entenda que a eleição ocorrera dentro da legalidade e constitucionalidade, seguindo o entendimento à época do STF e o que dispõe a Constituição do Estado de Mato Grosso, informa que apresentou ao Presidente da Assembleia Legislativa a possibilidade de recorrer, contudo, o Presidente decidiu que não apresentará recurso e cumprirá a decisão do Supremo Tribunal Federal.