Juiz homologa exame de empresário e separa processo de Eder

Gazeta Digital

Uma ação penal  que tramita na 5ª Vara Federal de Mato Grosso tendo como réus os ex-secretário de Fazenda, Eder Moares (PHS) e o empresário Rodolfo Aurélio Borges de Campos, dono da Construtora Encomind, será desmembrada por decisão do juiz federal Jeferson Schneider. Eles foram denunciados pelo Ministério Público Federal (MPF) em outubro de 2014 pelos crimes de lavagem de dinheiro, corrupção ativa, corrupção passiva e falsidade ideológica.
Leia mais

Polícia Federal deflagra operação “Cardume” e cumpre mandados em Mato Grosso e mais 7 estados

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça-feira (29), a Operação “Cardume”, para desarticular uma organização criminosa especializada no tráfico internacional de drogas nos estados de Mato Grosso e mais sete estados. Em Mato Grosso foram cumpridos 4 mandados de busca e apreensão e Duas pessoas foram detidas e uma arma de fogo foi apreendida.
Leia mais

ADIANTAMENTOS SALARIAIS – Comissão faz devassa na folha de pagamento da Educação de MT

Autorização ocorreu na época dos petistas na pasta

Folha Max

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) determinou neste mês a abertura de uma auditoria para calcular o valor desviado dos cofres públicos causado pelos lançamentos de pagamentos adiantados na folha salarial de 2012. No período, a pasta era administrada pelo atual deputado federal Ságuas Moraes (PT).
Leia mais

Maluf fala de indícios de desvios de Riva e apoia novas operações na Assembleia

“Realmente tem substância para ser investigado, tem denúncia para serem investigadas. Nós também queremos transparência e investigação sim”, destacou.

Repórter MT

Guilherme Maluf é presidente da ALMT e afirma não saber de nova operação na AL

Guilherme Maluf é presidente da ALMT e afirma não saber de nova operação na AL

O presidente da Assembleia Legislativa (ALMT), Guilherme Maluf (PSDB), disse que apoia as investigações da “Operação Metástase”, deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), desde que não haja excesso por parte do Ministério Público Estadual (MPE). A fala ocorreu logo após o promotor Roberto Turin, um dos responsáveis pela operação, anunciar que não descarta uma nova fase.
Leia mais