Maggi nega aval para suplente coordenar campanha de Mauro

Ministro lembra que Cidinho Santos tem relação próxima com Mauro Mendes e Jayme Campos

diario cuiaba

cidinho-maggi.jpg

Foto: Reprodução

O ministro Blairo Maggi negou ontem que tenha autorizado o seu suplente no Senado Federal Cidinho Santos (PR) a assumir a coordenação da campanha de Mauro Mendes (DEM) ao governo do Estado. 

“Eu não autorizei o Cidinho a coordenar nenhuma campanha aqui. Pelo contrário, avalizei que ele coordenasse a campanha do Alckmin à presidência da República junto ao agronegócio”, disse ontem o ministro ao DIÁRIO.

Maggi reafirmou que manterá neutralidade na eleição em Mato Grosso e que está ocupado com seu trabalho no Ministério da Agricultura, em Brasília.

Até a tarde de ontem Maggi disse não ter falado com Cidinho sobre a questão. O ministro lembrou que Cidinho é muito amigo de Mauro Mendes e de Jayme Campos, que é candidato ao senado na chapa de Mendes, creditando nisso o motivo de seu suplente assumir a coordenação da campanha.

“Todo mundo sabe que sou amigo do Mauro Mendes, da mesma forma sou amigo do Wellington Fagundes e tenho uma ótima relação com o governador Pedro Taques”, disse Maggi. “E, como estou sempre ausente do estado, nas minhas funções em Brasília, o melhor é eu continuar fora desta eleição, já que não serei candidato a nada”, continuou o ministro.

Blairo Maggi anunciou no inicio do ano que não iria concorrer a reeleição ao senado este ano e que após concluir seu trabalho no Ministério da Agricultura, em dezembro, retorna pra casa, em Cuiabá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *