Ex-deputado teria pedido a Riva que propina fosse repassada como “doação oficial”

10 de outubro de 2019 15:25
Publicado por:
Categorias: Bastidores

Na suposta proposta de colaboração premiada do ex-deputado José Riva, que ele desmentiu em nota a veracidade e que foi vazada para a imprensa desde o último fim de semana, um fato chamou atenção.Durante as negociações para que o ex-governador Silval Barbosa repassa-se R$ 10 milhões para o PP na disputa de 2010, partido de Riva na época, o ex-deputado federal Pedro Henry, segundo o documento, teria exigido que o recurso que iria receber, desviado dos cofres públicos para financiar as campanhas do partido via caixa 2, fosse depositado legalmente, ou seja, como doação oficial.
Segundo Riva, é que Henry já estava respondendo a ação penal do ‘Mensalão’ e dizia que não queria mais problemas judiciais.
Resultado: o repasse foi dado de maneira oficial e Pedro Henry acabou sendo condenado e preso em 2014 por conta do escândalo do Mensalão.